• Estação Romana da Quinta da Abicada

    Estação Romana da Quinta da Abicada

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar - edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – interior do edifício tumular "Alcalar 7"

  • Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

    Monumentos Megalíticos de Alcalar – "Um dia na pré-história"

  • Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

    Castelo de Aljezur – Torre semi-cilindrica

  • Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

    Castelo de Aljezur – Muralha e acesso

  • Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

    Ermida de N.S. de Guadalupe e Casa rural

  • Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

    Panorâmica da exposição no interior da Casa rural

  • Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

    Castelo de Loulé – "Música nos Monumentos"

  • Torreões do Castelo de Loulé

    Torreões do Castelo de Loulé

  • Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

    Ruínas Romanas de Milreu – Casa rural

  • Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

    Ruínas Romanas de Milreu – Pormenor de mosaico

  • Castelo de Paderne

    Castelo de Paderne

  • Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

    Castelo de Paderne – Ruína da Ermida de N.S. da Assunção

  • Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

    Ruína da Ermida de N.S. da Assunção - "Música nos Monumentos"

  • Fortaleza e Promontório de Sagres

    Fortaleza e Promontório de Sagres

  • Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

    Capela de N.S. da Graça – "Música nos Monumentos"

Página Inicial Monumentos do Algarve Bons Momentos Bons Momentos Prémio Regional Maria Veleda

Em Destaque

Cartaz Concertos ao Entardecer

Concertos ao Entardecer - “A Jigsaw & The Great Moonshiners Band”

Na Fortaleza de Sagres, os “Concertos ao Entardecer” prosseguem com a atuação dos “A Jigsaw & The Great Moonshiners Band”,  dia 03 de julho, às 18h.

“A Jigsaw”, composto por Jorri e João Silva, ocupa um lugar singular na música portuguesa e internacional, com uma sonoridade inspirada no universo da música popular norte-americana, em particular do folk e dos blues.

A revista francesa Les Inrockuptibles afirmava em 2012 que os “A Jigsaw” eram uma banda a seguir. Em 2014, a especializada revista que os coloca junto de nomes como Tom Waits e Leonard Cohen, volta a avisar para que não se perca de vista este duo conimbricense.

 O caso não é para menos: volvidos três anos da edição do seu último trabalho de estúdio, revelam finalmente o seu álbum No True Magic em concertos de apresentação com a banda de suporte The Great Moonshiners Band, nome que reporta para os moonshiners, os produtores de whisky ilegal, destilado durante a noite, à luz da lua, nos tempos da Lei Seca nos Estados Unidos.

Em No True Magic as raízes continuam a ser o Folk, o Blues, a literatura e um conceito: a imortalidade.

“Concertos ao Entardecer” é um projeto da ArQuente Associação Cultural que em 2013 foi prolongado à Fortaleza de Sagres no âmbito do ciclo “Música no DiVaM” do programa DiVaM- Dinamização e Valorização dos Monumentos.

Cartaz

"Congresso Ibero-Americano: Património, suas matérias e imatérias"

O Congresso Ibero-Americano “Património, suas matérias e imatérias” a ocorrer em Lisboa, nas instalações do LNEC, nos dias 2 e 3 de novembro de 2016, procura criar o ambiente para a realização de diálogos cruzados entre investigadores, técnicos e especialistas, oriundos de diferentes áreas disciplinares, que estejam interessados em reflectir e discutir o Património Cultural nas suas componentes materiais e imateriais, incluindo as problemáticas socioculturais que lhe estão associadas.

O Congresso será uma organização do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), do Centro em Rede de Investigação em Antropologia do Instituto Universitário de Lisboa (CRIA) e o Centro de Estudos Internacionais do ISCTE-IUL (CEI-IUL)

Todas as informações em: http://patrima.lnec.pt/

Inscrições em: http://www.lnec.pt/pt/gca/index.php?id=788
 

O quê? E Então? Relevância dos conteúdos e acessibilidade de linguagem. - Conferência Anual

CHAMADA PARA CONTRIBUTOS
Data-limite de envio: 30 de Julho 2016

Comunicar, um acto social, diário e imemorial, aparentemente banal, mas que levanta ainda grandes barreiras e apresenta fortes desafios às instituições culturais que pretendem estabelecer um diálogo com o público.

Em 2006, o GAM – Grupo para a Acessibilidade nos Museus, antecessor da Acesso Cultura, abordou pela primeira vez em Portugal a acessibilidade da comunicação, com a realização do seminário Sabe escrever para todos: a acessibilidade da comunicação escrita nos museus. Dez anos depois, a Acesso Cultura propõe reflectir novamente sobre as questões da acessibilidade da comunicação, desta vez não só sobre a acessibilidade da linguagem, mas também sobre a relevância dos conteúdos e sobre o conceito da “relevância” em si.

As inscrições estão abertas, assim como uma chamada para contributos. Mais informações

Entrevista da Drª Alexandra Gonçalves, Diretora Regional da Cultura do Algarve, ao Sul Informação e à Rádio Universidade do Algarve (RUA)

LogotipoConferência do Grupo de Trabalho de Sistemas de Informação em Museus da BAD 

No dia 30 de setembro de 2016 irá realizar-se a Conferência do Grupo de Trabalho de Sistemas de Informação em Museus da BAD – Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas. Esta Conferência terá lugar no Porto, no Instituto Superior de Engenharia do Porto (Auditório H202).

Informações aqui

Cartaz a preto

Prémio Regional «Maria Veleda»|2016

 

Aberto a apresentação dos projetos ao Prémio Regional "Maria Velada" até ao dia 9 de setembro de 2016

Todas as informações aqui

Cartaz Programa Projeto Rota Omíada

Assinatura da Carta de Compromisso – Projeto Umayyad

Salão Nobre da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, 14 de Junho às 11h30

 

A Rota Omíada acaba de ser reconhecida com o selo do Conselho da Europa como uma das rotas culturais de interesse europeu.

É um projeto financiado pelo programa European Neighbourhood and Partnership Instrument (ENPI) dentro da convocatória Cross Border Cooperation, liderado pela Fundação El Legado Andalusí, tendo como parceiros, em Portugal, a Região de Turismo do Algarve e a Direção Regional de Cultura do Algarve.

O município São Brás de Alportel, com um qualificado centro histórico e um forte dinamismo em rotas culturais, reforçará a sua oferta, aceitando promover o legado omíada nos termos da carta de compromisso que será assinada em cerimónia pública de acordo com o convite que se anexa.

Convite Assinatura de Carta de Compromisso

 

Vídeo da Rota Omíada disponível a partir de hoje.

Uma versão mais curta e um documentário mais rico revelam os parceiros do projecto e suportam um excelente documentário sobre o legado Omíada nestes países!

Ver o filme completo (1:00.23)

Facebook

Assinatura de protocolo

PROTEÇÃO DO PATRIMÓNIO CULTURAL IMÓVEL DO ALGARVE-                                   ASSINATURA DE PROTOCOLO 

 

No passado dia 20 de maio, pelas 15h, teve lugar a assinatura de um protocolo inédito em Portugal, no Auditório da ex-Direção Regional de Economia.

A Direção Regional de Cultura do Algarve e a Guarda Nacional Republicana, através do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente, irão cooperar institucionalmente para a salvaguarda e protecção do Património Cultural imóvel em meio rural.

Em 2000 na Resolução de Vantaa, em Helsínquia, a UNESCO adoptou as medidas “Para uma estratégia Europeia Sobre Conservação Preventiva” que inclui a criação de planos e equipas para fazer frente a situações de vandalismo e outros agentes destruidores que causam estragos no Património Cultural.

Será o que, pela primeira vez em Portugal, estabelecerá este protocolo para a Proteção do Património Cultural Imóvel do Algarve.

A sessão contou com uma dissertação do especialista Doutor João Martins Claro, da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, sobre o tema “O Valor do nosso Património Histórico-Arqueológico”.

A Directora Regional da Cultura do Algarve, Professora Doutora Alexandra Gonçalves, e o Coronel Carlos Silva Gomes, Comandante Territorial de Faro da GNR, relevaram a necessidade de prevenção e sensibilização do Património histórico e arqueológico no meio rural algarvio e informaram sobre as acções futuras em preparação, no âmbito da presente colaboração.

Cartaz - A Sul Nenhum Norte

Exposição de Pedro Amaral - A Sul de Nenhum Norte

 

Inauguração no dia 14 de maio, nas  Ruínas de Milreu, em Estoi ­ Faro, pelas 17h30. 

A exposição " A Sul de nenhum Norte ", com obras do artista Pedro Amaral e curadoria da licenciatura em Artes Visuais, 

Este evento é promovido em parceria pelo CIAC e pela Direção Regional de  Cultura do Algarve (DRCAlg) com o objetivo de dinamizar a interação entre as  comunidades académica e local, estimulando diálogos entre arte e património  cultural da região através do desenvolvimento conjunto da programação de  exposições na Casa Rural das Ruínas Romanas de Milreu, localizadas junto à freguesia de Estói (Faro).

Sobre o artista:

Pedro Amaral vive e trabalha em Sintra. Sem formação artística, trabalhou  ativamente em ilustração nos anos 80 e 90.  A fundação com Alice Geirinhas e  João Fonte Santa do coletivo Sparring Partners em 1995 marca a entrada no  universo da Arte Contemporânea, contexto onde expõe regularmente desde  essa altura. A Pintura e mais recentemente o Desenho têm sido  os suportes  primordialmente escolhidos mas também o vídeo e a instalação e performance.  Da Galeria ZDB à integração de algumas exposições e dinâmicas marcantes  da década de 90 (em colaboração com nomes e comissários/artistas como  Paulo Mendes e Pedro Cabral Santo), de individuais em Galerias mainstream a  feiras  de  arte  internacionais,  mas  nunca  abandonando  os  contextos  mais  independentes e autónomos como oProjeto Museu – Casa Bernardo, o Pogo  Teatro,  o  Salão  Olímpico,   o   projeto  “Atlas  Secreto“  ou  os  mais  recentes   comissariados de arte panfletária de João Fonte Santa. O seu trabalho está  presente nas coleções Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, Museu do Neo  Realismo, Fundação PMLJ e diversas coleções particulares em Portugal e no  estrangeiro.

Promontório de Sagres é reconhecido como Marca do Património Europeu

Vista aérea do Promontório de Sagres

Créditos fotográficos:
DRCAlgarve 2015/ Sergiy Shcheblyki

Foi hoje tornado público o resultado da avaliação da candidatura apresentada no início deste ano, pela Direção Regional de Cultura do Algarve, a Marca do Património Europeu.

A Marca do Património Europeu (MPE) é uma nova medida da União Europeia que tem por base uma iniciativa intergovernamental lançada em 2006. Foi estabelecida pelo Parlamento e pelo Conselho da União Europeia.

No excerto a ser divulgado pela União Europeia refere-se que: “A Ponta de Sagres apresenta uma paisagem rica do ponto de vista histórico e cultural situada no canto sudoeste da Península Ibérica. Nela se encontram vestígios arqueológicos significativos, estruturas urbanas e monumentos que atestam a sua localização estratégica e a sua importância ao longo dos séculos.

Continuar a ler

 

Prémio Acesso Cultura

Logotipo Acesso CulturaCom o Prémio Acesso Cultura pretende-se distinguir, divulgar e promover eentidades e projectos que se diferenciam pelo desenvolvimento de políticas exemplares e de boas práticas na promoção da melhoria das condições de acesso – nomeadamente físico, social e intelectual – aos espaços culturais e à oferta cultural, em Portugal. Pretende-se ainda criar exigência junto dos públicos, com vista à melhoria da acessibilidade, assumida como um todo.